Deus esmagou Jesus Cristo para salvar pecadores miseráveis

Tema:
Categoria: Trechos, Video

Para que você seja um verdadeiro crente, para que você seja um filho de Deus, o Filho Santo de Deus foi desamparado por Seu próprio Pai e então esmagado debaixo da punição Dele. Você diz, “Oh, irmão Paul, você foi longe demais agora.” Você nunca leu Isaias 53:10? “Ao Senhor agradou moê-Lo.” Pegue uma pedra de 10 toneladas e coloque outra por cima. Coloque um grão de trigo entre as duas pedras e veja o que sobra quando você o esmaga. Pegue uma barragem, centenas de milhares de metros de altura e centenas de milhares de metros de comprimento e ela se quebra em frente a você e a corrente de água desmorona na sua direção, para te engolir e te destruir, e, de repente, o chão na sua frente se abre e toda aquela água é sugada e nenhuma gota se quer molha os seus pés. E assim Cristo levantou Suas mãos ao céu e tomou a ira de Deus, aquele grandioso cálice, e bebeu. Quando Ele clamou “Está consumado!” Ele bebeu o cálice e nenhuma gota sobrou. Ele bebeu a ira de Deus e satisfez a justiça e aplacou a ira e, portanto, agora Deus pode ser justo, e justificador do pecador. Foi isto que Ele fez, foi isto que Ele fez.

Os puritanos falavam muito sobre arrependimento, não apenas do pecado, mas arrependimento das boas obras. Você diz “O que você quer dizer?” Há um sentido real no qual arrependimento é simplesmente isso: Você desiste de tentar se justificar a si mesmo, você só desiste. Você vê que cada uma das suas boas obras não é nada além de trapos imundos e você as detesta e você as atira no chão e você se coloca lá diante de Deus e diz “A menos que o Senhor Se mova em meu favor, eu estou condenado.” E você crê. Você crê. Você confia.

Há um diácono na minha igreja local. Uma pequena igreja do meio de uma plantação de milho, e eu amo este homem, ele andou com Deus mais tempo do que eu estou vivo. E eu lembro dele me contando, uma vez ele me contou sobre sua conversão. Ele disse “Eu era um bom rapaz, como deveria ser.” “Mas, o pregador disse algo naquela manhã e mexeu o meu coração.” e eu pensei ‘O que significa acreditar, o que significa acreditar?'” Ele subiu na sua tribuna e só estava andando ao redor e ele disse que ele finalmente se viu com os dedos tocando a tribuna. Meio que em pé ali, e ele disse “De repente, me despertou.” Isso foi o que ele disse: “Senhor, Eu vou confiar, colocar minha confiança, exclusivamente, apenas, no que Seu Filho fez por mim. e se esta mesma coisa, se o que Ele fez por mim, não for suficiente para me salvar, então eu vou para o inferno, porque eu não confiarei em outra coisa.”

Bem agora se este pregador aqui morresse, ele iria para o céu. Não porque eu passei anos nas selvas e nas montanhas dos Andes no Peru. Não por causa da piedade, devoção ou estudo bíblico. Não por causa de afiliação com alguma denominação, batista, ou participação no ministério. Se eu morresse agora mesmo, Eu iria para o céu porque dois mil anos atrás o Filho de Deus derramou Seu sangue por este homem miserável. E esta é minha esperança, e a minha expectativa, que aquele fio escarlate seja forte o suficiente para me sustentar quando eu oscilar pendurado nele, a caminho da eternidade.